Prefeitura de Traipu emite nota acerca de fechamento de agência do Banco do Brasil

PARA CONHECIMENTO PÚBLICO

 

Gente traipuense, antes de ontem esteve aqui em Traipu a senhora superintendente do Banco do Brasil, em Alagoas, dona Shirlei Parise. Ela esteve a minha procura, mas eu me encontrava em Maceió, tratando de assuntos da prefeitura. Ontem (quarta-feira) estive na superintendência da referida instituição bancária, quando, acompanhado do gerente Tarcizio Moraes e do Secretário de Segurança Pública, Coronel Pinheiro, fui recebido pela referida senhora que me comunicou, com certo constrangimento, o fechamento do posto do banco, em Traipu, fato que deverá ocorrer no final do mês de novembro próximo. As razões expostas pela superintendente foram várias: crise econômica nacional, medidas de economia, mas, no caso específico de Traipu, somavam-se outros fatores, tais como os sinistros ocorridos de 2016 para trás, como assaltos e explosões e o fato do município , em épocas passadas, não haver repassado os valores relativos aos empréstimos consignados, feitos pelos servidores municipais. Segundo a senhora superintendente, esses motivos foram determinantes, para a medida drástica tomada pelo banco, mesmo reconhecendo que o município se encontra em boa situação fiscal e mesmo a cidade oferecendo, nos tempos atuais, segurança pública à comunidade! Alegou, também, que, em razão da judicialização do débito dos consignados, o banco ficava privado da oportunidade de realizar operações de crédito com os mencionados servidores, situação que acarreta grande prejuizo à instituição financeira! Argumentou, também, a Sra. superintendente, que a decisão do fechamento da agência de Mata Grande e do posto de Traipu (PAB) vinha sendo estudada já há algum tempo! Agradeci, mas disse à senhora Shirlei que iria tentar reverter o quadro junto à presidência do banco!
De qualquer forma, levo ao conhecimento de todos os traipuenses que a Caixa Econômica Federal manifestou interesse de se instalar em Traipu e já manteve, inclusive, no dia de hoje, vários contatos com a Secretária de Finanças do nosso município. Bancos privados também já manifestaram o interesse no tema! Assim, que fique bem claro o seguinte: as razões que levaram o Banco do Brasil a tomar tal decisão, em princípio foram: a) os sinistros, já mencionados; b) o não pagamento dos empréstimos consignados dos servidores por parte da gestão à época; c) a impossibilidade da realização de novos empréstimos à grande massa de trabalhadores de Traipu que vem a ser composta pelo servidor público.
Destarte, que os traipuenses fiquem tranquilos pois as soluções surgirão da melhor forma! A Prefeitura, hoje, paga em dia a todos os seus servidores, aos fornecedores e nunca se viveu um momento de tanta segurança, paz, progresso e tranquilidade! Nunca se viu tantas obras sendo realizadas ao mesmo tempo e nunca os servidores, todos, foram tratados com tanta dignidade! Infelizmente um passado sujo e a corrupção desenfreada que se instalou em nossa terra, ainda têm refletido em nosso querido município e afetado a nossa gente! Isso, entretanto, é passageiro! Traipu vive, de fato, um novo tempo!
Para finalizar lembramos que muitos servidores, ainda hoje, amargam dificuldades em suas vidas financeiras por conta da ação nefasta de maus gestores!
Hoje, os consignados realizados na Caixa Econômica Federal, em Girau do Ponciano, são pagos rigorosamente em dia! Os nossos funcionários têm crédito e são tratados com respeito, seja em Traipu, seja em Girau, seja em Arapiraca ou na Capital! Gestão séria, povo respeitado.

Eduardo Tavares – Prefeito de Traipu!

One thought on “Prefeitura de Traipu emite nota acerca de fechamento de agência do Banco do Brasil

  • Avatar
    20 de outubro de 2017 at 08:45
    Permalink

    Até agora não vi mudança nenhuma, ruas esburacadas, menos trabalho para o povo, entre outras coisas, menos viu bem menos, comércio ruim, e não é por conta da crise não viu , nem dos gestores anterior,se o povo não tem trabalho não tem dinheiro, se não tem dinheiro não tem comércio

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *