Prefeito de Tanque D’arca é flagrado recebendo propina

aW1hZ2Vucy8xNDQ3MDcwMDE5dGVpeGVpcmEuanBnMais uma vez o estado de Alagoas foi destaque negativo nacionalmente, desta vez em uma reportagem especial exibida na noite deste domingo (9) no Fantástico, a revista eletrônica da Rede Globo de Televisão.

Na reportagem, duas cidades alagoanas são citadas em crimes de corrupção. foram Tanque D’árca e São Luiz do Quitunde.

Em Tanque D’árca, no Agreste do estado, o prefeito Antônio Teixeira (PMN) foi flagrado escondendo dinheiro de propina nas meias. O vídeo foi gravado pelo próprio denunciante, o dono de uma construtora que estava recebendo ameaças e sendo obrigado a pagar 30% dos valores das obras que fazia para a prefeitura para poder continuar com os contratos junto à administração pública.

Momentos antes, a reportagem gravou com o prefeito sobre corrupção. De uma forma hipócrita, Antônio Teixeira afirmou que “chega de corrupção” no Brasil e deixou claro que está com a consciência tranquila.

A construtora citada é responsável pelas obras de creches e de uma quadra poliesportiva no município, mas a construção está parada desde a antiga gestão. O detalhe: O ex-prefeito foi retirado do cargo por improbidade administrativa.

Mais de R$150 mil foram entregues ao prefeito nesse esquema de corrupção.

Em São Luiz do Quitunde, o prefeito Eraldo Pedro (PMDB) também foi flagrado recebendo propina do dono de uma locadora de veículos da cidade. Segundo as investigações, a empresa emitia notas frias mensais em nome da prefeitura e repassava os valores para o prefeito.

Enquanto isso, a população local sofre. O abastecimento de água na cidade, que é de responsabilidade da prefeitura, é totalmente irregular. Segundo moradores, a água chega de quatro em quatro dias e só permanece nas torneiras por no máximo duas horas.

Por: 7 Segundos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *