PC prende casal que liderava quadrinha envolvida em crimes no Agreste

casal presoPoliciais civis da Divisão Especial de Investigação e Capturas (Deic), apresentaram durante entrevista coletiva nesta sexta-feira (11), um casal acusado de vários crimes no Agreste alagoano.

Os presos Thiago Gomes dos Santos, de 31 anos, conhecido como “Sombra” e Ewelly Pamella Santos Tavares, de 18 anos, são apontados como líderes de uma quadrilha envolvida em assaltos a banco, roubos de carga, de carros, estabelecimentos comerciais, tráfico de drogas e receptação.

De acordo com o delegado Vinicius Martins Ferrari, da Seção Anti Sequestro (SAS) integrante da Deic, o casal é acusado de chefiar uma quadrilha que agia há cerca de quatro anos.

“Desde a recuperação de um veículo roubado, e a apreensão de dois menores, componentes da quadrilha, começamos a trabalhar em cima deste casal preso. Ontem obtivemos informações que eles iriam fugir para São Paulo, então nos dirigimos para o agreste, pois tínhamos conhecimento que Thiago estaria no povoado conhecido como Lagoa Seca, e que Ewelly pegaria uma vam em Arapiraca e se dirigiria até o referido povoado”, explicou o delegado. Após diligências, os dois acusados foram localizados e presos em São Sebastião.

A organização criminosa que os dois faziam parte é extremamente articulada, as mulheres envolvidas eram as responsáveis por alugar casas em locais estratégicos, geralmente afastados da cidade, que serviam como um depósito de veículos, guardar objetos e participavam da logística, do grupo criminoso.

Material apreendido durante a operação 

 “As investigações tiveram inicio após a apreensão de dois menores acusados de roubar uma residência em Limoeiro de Anadia. Na ocasião do crime após roubarem cerca de sete mil reais, eletrodomésticos e uma Hilux, eles fugiram para o município de Garanhuns, em Pernambuco, onde nós os detivemos”, disse o delegado.

Durante a ação foram apreendidos vários eletrodomésticos, veículos, peças de automóveis, uma quantia em dinheiro, e cartões de saúde, de possíveis vítimas.

Os dois foram presos em flagrante e em cumprimento a mandados de prisão Preventiva, expedidos expedido pela 17ª  Vara Criminal da Capital.

Durante a coletiva as informações foram divulgadas também pelo delegado Ronilson Medeiros, diretor da Divisão Especial de Investigação e Capturas (Deic), que informou que as diligencias da Polícia Civil continuam para prender outros envolvidos com o grupo.

Por: Ascom PC

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *