Operação no Agreste resulta em prisões e apreensão de armas e dinamite

WhatsApp-Image-20160603Uma operação realizada na madrugada desta sexta-feira (3) no Agreste resultou em prisões e apreensão de armas, munições e explosivos. A operação ainda está em andamento.

As primeiras informações levantadas pela nossa equipe de reportagem é que a operação está sendo realizada em Arapiraca e outras cidades do Agreste.  Em Arapiraca, a operação ocorreu nos bairros Primavera, Nilo Coelho, Brasília e Sitio Exporão. Pelo quatro  pessoas, até o momento já estão detidas na Central de Polícia de Arapiraca.

Durante a operação foram apreendidas arma de fogo, arma branca, toucas bala clava, luva  e uma banana de dinamite, o que pode indicar que os suspeitos devem ter participação em assalto a bancos.

WhatsApp-Image-20160603 (3) Foram presos até o momento: Maxsuel Queiroz da Silva,  José Aldevan da Paz, Alexandre santos Barbosa  e Marcos Roberto da Silva, o Marquinhos do Porco.

A operação está sendo realizada pelas polícias Civil e Militar. Equipes do Tigre (Tático Integrado de Grupos de Repressão Especial), Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais)  também participam da operação, GECOC.

Mais detalhes dessa operação que tem como objetivo reduzir a criminalidade no Agreste, a qualquer momento.

Mais apreensões  

Por volta de 10h da manhã equipes de policiais envolvidas na operação chegaram à Central de Polícia com mais material apreendido. Entre eles munições .30 e de fuzil 7.62.

Na operação também foi desativada uma rinha de galo que funcionava no Sítio Esporão, zona rural de Arapiraca. Segundo informações policiais a rinha tinha uma estrutura de arquibancada para receber os apostadores. No local também foram encontrados anabolizantes que são injetados nos galos para aumentar a capacidade de resistência da aves.

Por: 7 Segundos com Traipu Notícia

Foto: Cortesia PC

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *