Leandro Damião recebe punição

622_df29d4c4-6d07-3fbb-a315-96bc0e45e1e6Leandro Damião sofreu um duro golpe na noite desta terça-feira ao ter seu pedido de liminar para se desvincular do Santos negado pela Justiça do Trabalho. Emprestado ao Cruzeiro no início do ano, o centroavante, além da rescisão, deseja receber uma indenização milionária com a ação movida na Justiça contra o clube motivada pelos atrasos salariais que vinham se arrastando desde outubro do ano passado.

O despacho do juiz Ítalo Menezes de Castro, da 4ª vara do Trabalho de Santos, não apenas indeferiu a liminar solicitada pelos advogados de Damião como também negou o benefício de justiça gratuita, o pedido de tramitação sob segredo de Justiça e ainda condenou o jogador a pagar multa de 1% sobre o valor da causa para “indenizar os prejuízos da parte contrária” e em 20% também do valor da causa por enxergar “má fé” de Leandro Damião.

Na semana passada, o atacante também foi envolvido em uma polêmica por ter assinado uma declaração de pobreza no processo movido contra o Santos. Tal documento, apesar de muito comum no âmbito judicial, serve para o autor, no caso Damião, deixar de arcar com custos tributários da ação.

Agora, os advogados de Leandro Damião devem analisar o desdobramento que o processo se encaminhou na noite desta terça para definir as novas estratégias. Caso não entre com pedido de uma nova liminar, o que é pouco provável, Damião terá de aguardar até 30 de março, data da audiência, para definir sua situação.

Por: ESPN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *