Governador elogia PM e destaca redução de 41% de homicídios

largeMês de abril terminando e o governador Renan Filho utilizou as redes sociais para informar que a redução no índice de homicídios em Alagoas chegou a 41% em comparação ao mesmo período do ano passado. Como vem dizendo sempre, Renan Filho salienta que o momento não é de comemoração, mas a redução gradativa dos números da violência comprova que o caminho e as atitudes que o governo vem tomando dão resultado.

O comentário do governador foi a respeito da atuação da Polícia Militar de Alagoas que conseguiu abortar a efetivação de um crime em Maceió, nesta quarta-feira (29). Assaltantes invadiram uma residência no bairro de Jacarecica, fazendo de refém uma família inteira. Renan Filho elogiou a rápida atuação dos PMs que garantiu a integridade física dos reféns.

“Com uma ação rápida, a PM garantiu a liberdade das vítimas por meio de negociação. Não houve registro de violência. É com essa presença, mantendo o diálogo e a calma que a Polícia tem feito um trabalho sério que está diminuindo os índices de criminalidade no nosso estado”, comentou o governador.

Em seguida, ele anunciou um dado animador fornecido pela Secretaria de Defesa Social.

“Este mês, por exemplo, houve, até o momento, uma redução de 41% de crimes com mortes com relação a abril do ano passado. Isso mostra que estamos no caminho certo, que devemos continuar desta forma para que cheguemos onde a população espera. Não cabem comemorações ainda, mas fica o registro pelo empenho e compromisso de todos que fazem da paz dos alagoanos a sua missão”, finalizou o governador. O mês de abril ainda não foi concluído, porém a estatística mostra que a redução deve se manter.

O caminho que vem sendo traçado para tirar de Alagoas o título de estado mais violento do país está sendo construído dia a dia com operações policiais integradas e ações conjuntas focadas no trabalho de inteligência. O intuito final é pôr fim à sensação de impunidade, elemento que só retroalimenta a violência e envergonha os alagoanos.

Até a semana passada – dia 23 – as ações criminosas relacionadas a coletivos na capital alagoana tiveram uma redução em sua incidência em mais de 80%. Em números, foram 138 assaltos, em 2014, contra 28 ocorrências no mesmo período em 2015.

Os números do Núcleo de Estatística da Defesa Social vão além e comprovaram que até o início do mês de abril, Alagoas ostentava a maior redução do número de crimes violentos letais intencionais (homicídios) no Nordeste, 15,89%.

Por: Agência Alagoas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *