Fundação Palmares comemora 27 anos de atividades

27-ANOS-660X3011Nesta quarta-feira (26), às 10h, no Salão Negro do Palácio da Justiça, a Fundação Cultural Palmares (FCP) realiza a solenidade de lançamento do Programa de gestão Diálogos Palmares: Perspectivas e ações da política nacional para a cultura afro-brasileira. Com a participação do ministro da Cultura, Juca Ferreira, e da presidenta da Fundação, Cida Abreu, o evento dá início às comemorações dos 27 anos da Fundação. Às 15h, a presidenta da Palmares, Cida Abreu, participa de roda de conversa com artistas, lideranças religiosas e fazedores de cultura afro-brasileira, no Hotel Nacional.
A Fundação Palmares é uma autarquia vinculada ao Ministério da Cultura (MinC) e tem por objetivo consolidar parcerias com as áreas e esferas de governo, gestores, artistas e representantes das diversas manifestações da cultura afro-brasileira.
O Programa Diálogos Palmares é uma forma de proporcionar a repactuação entre todos os atores envolvidos com o trabalho da FCP, além de conceituar e definir as prioridades e investimentos do Plano Nacional de Cultura para a cultura afro-brasileira e de instituir um fórum permanente entre o MinC e a sociedade. Estão no foco do programa, entre outros, o reconhecimento e a valorização da diversidade; a promoção e a difusão das artes e expressões culturais afro-brasileiras, urbana e de periferia; a proteção das comunidades tradicionais quilombolas, de matriz africana e indígenas; e o fomento para a economia da cultura e audiovisual.
“Com o programa Diálogos Palmares, a expectativa é a de que se estabeleça uma reaproximação com as diversas manifestações da Cultura afro-brasileira, com a nova gestão da FCP em sintonia com o modelo e metodologia adotada pelo ministro Juca Ferreira”, destacou a presidenta da FCP, Cida Abreu.
Também participam da solenidade no Palácio da Justiça o ministro das Comunicações, Ricardo Berzoini, o presidente da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos, Wagner Pinheiro, o ator Milton Gonçalves, o cineasta Jeferson De, e a compositora e cantora de ciranda Lia de Itamaracá, entre outras personalidades artísticas e lideranças políticas e religiosas.
Roda de conversa
O evento de lançamento do Diálogos Palmares começa às 10h30, com uma homenagem à ancestralidade de matriz africana (apresentações de manifestações da cultura afro-brasileira, negra, indígena, quilombola e de matriz africana), no Salão Negro do Palácio da Justiça. Na cerimônia também serão lançados o Prêmio Oliveira Silveira (SNC/Cenirc) e o edital Curtas Histórias (MEC/Secadi).
Na sequência haverá a assinatura de Termos de Cooperação entre os ministérios da Educação, da Justiça e das Comunicações, a Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República; os Correios; o Serpro; o Sebrae; a Universidade de Brasília (UnB); o governo de Minas Gerais; e a prefeitura de Niterói, além de ações descentralizadas com o sistema MinC.
A partir das 15h, no Hotel Nacional, Cida Abreu e a professora Haydée Caruso, da UnB, participam de roda de conversa com artistas, lideranças religiosas e fazedores de cultura afro-brasileira. O objetivo é ouvir as demandas da sociedade civil organizada, atualizar e implementar o Plano Setorial para a Cultura Afro-brasileira, fortalecer o Plano Nacional de Cultura e o Colegiado Setorial de Cultura Afro-brasileira e instalar o Fórum Nacional de Culturas Afro-brasileiras.
Serviço
Lançamento Diálogos Palmares: Perspectivas e ações da política nacional
Data: quarta-feira (26)
Horário: 10h30
Local: Salão Negro do Palácio da Justiça
Roda de conversa com a presidenta da Fundação Cultural Palmares, Cida Abreu
Data: quarta-feira (26)
Horário: 15h
Local: Hotel Nacional
Assessoria de Comunicação
Ministério da Cultura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *