Com preços acessíveis, Feira do Peixe Vivo atrai milhares de consumidores

Texto de Ronaldo Lima

5ª Edição da Feira do Peixe Vivo em Alagoas (Foto: Adaílson Calheiros)Em sua 5ª edição, a Feira do Peixe Vivo, uma iniciativa do Governo de Alagoas, por meio da Secretaria da Agricultura, Pecuária, Pesca e Aquicultura (Seagri), com patrocínio do Sebrae, atraiu milhares de consumidores nesta quarta-feira (28), oferecendo uma variedade de pescado de água doce e marinha, no Parque da Pecuária, em Maceió, além de mariscos frescos como sururu, massunim, siri e o camarão.

 

Mauro Bezerra, morador do bairro do Prado, foi um dos primeiros a chegar na feira para escolher peixes vivos, como a tilápia, e garantir a refeição tradicional da Semana Santa. “Já é o segundo ano que frequento a feira do peixe vivo, e acho uma iniciativa legal porque tem bons produtos e preços acessíveis”.

 

Durante os dois dias da feira, os consumidores podem adquirir espécies de peixe tilápia, tambaqui, pirarucu e surubim, ainda vivos, em tanques suspensos, instalados no local.

 

Também na Feira do Peixe Vivo, os consumidores ainda encontram hortaliças como o bredo, coentro, cebolinha, bem como coco, temperos típicos da época, de grupos apoiados pelo Programa de Arranjo Produtivo Local (PAPL).

 

Como informa o secretário executivo de Gestão Interna da Seagri, Rui Medeiros Palmeira, o propósito da Feira do Peixe Vivo visa incentivar a produção e a comercialização de pescados e frutos do mar, com produtos comercializados diretamente dos produtores alagoanos.

5ª Edição da Feira do Peixe Vivo em Alagoas (Foto: Adaílson Calheiros)

Juciara Inácio do Nascimento, produtora do município de Coqueiro Seco, explica que a Feira promovida pela Seagri se torna uma excelente oportunidade de negócios, onde os consumidores têm uma variedade de pescado para escolher. “Participo pela primeira vez e estarei de novo no próximo ano”.

 

De acordo com Luciano Barros, superintendente de Aquicultura da Seagri, participam da Feira do Peixe Vivo produtores das Colônias de Pescas Z-16 do Trapiche da Barra, e Z-2, do Pontal da Barra. Produtores do Perímetro Irrigado de Boacica, e Lagoa do Retiro, do município de Junqueiro, além dos grupos Lagoa Escura Pescados, de Campo Alegre, Piscicultura DuBosque, de Junqueiro, e Unipesca de Piaçabuçu.

Por: Agência Alagoas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *