Alagoas será contemplado com R$ 44 milhões para investir em construção de presídios

Texto de Victor Costa

O Estado de Alagoas foi contemplado com R$ 44 milhões para aquisição de novos equipamentos e construção de novos presídios. A informação foi confirmada pelo secretário de Estado da Ressocialização e Inclusão Social, tenente-coronel Marcos Sérgio, que esteve reunido com o ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, e outros secretários de Segurança do país, na terça-feira (17), para discutir o plano nacional de segurança nos presídios

Os recursos servirão também para que os agentes tenham melhores condições de trabalho, utilizando novos equipamentos para que Alagoas continue longe da crise que assola presídios de outras unidades federativas.

Durante o encontro, realizado no Palácio do Planalto, em Brasília, foi definida ainda a criação de núcleos de inteligência nas unidades da Federação.

Ao final da reunião, o gestor da Ressocialização destacou a implantação do núcleo de inteligência para auxiliar o trabalho dos agentes penitenciários e demais forças da segurança pública. “O grupo integrado de inteligência prisional vai fomentar um banco de dados, com projeções de inteligência e análises de perspectivas que ajudarão na resolução de conflitos, permitindo o enfrentamento do crime organizado”, informou o secretário Marcos Sérgio.

Quanto à liberação dos recursos federais no montante de R$ 44 milhões, o secretário ressaltou o que significa a alocação desse recursos para o Estado.  “Alagoas foi contemplada com o envio de R$ 44 mi para aquisição de novos equipamentos e construção de novos presídios. Em breve, nossos agentes terão melhores condições de trabalho, utilizando os novos equipamentos. Trata-se de um compromisso do Governo do Estado: investir nas forças de segurança e promover a justiça no cárcere”, completou.

Por: Agência Alagoas

2 thoughts on “Alagoas será contemplado com R$ 44 milhões para investir em construção de presídios

  • Avatar
    19 de janeiro de 2017 at 11:44
    Permalink

    Isso é um absurdo!
    Não importa gastar milhões tentando sanar um problema e pouco ou quase nada na prevenção!

    Reply
  • Avatar
    19 de janeiro de 2017 at 11:45
    Permalink

    Isso não é motivo de felicidade ou orgulho,e se motivo de muita vergonha e tristeza…

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *