Acusado de tentativa de homicídio em Murici é preso por porte ilegal de arma

aW1hZ2Vucy8xNDI0NTIzMDA3bXVyaWNpMDIuanBnPoliciais civis do departamento de Policia Judiciária da Área 3 (DPJA3) prenderam em flagrante, na tarde desta sexta-feira (20), um homem acusado de porte ilegal de arma de fogo, no bairro Jacarecica, em Maceió.

Alicharles Monteiro de Oliveira, de 34 anos, foi preso portando dois revólveres, um calibre 32 e outro 38, com cinco munições, que foram apreendidos pelos policiais.

Segundo o delegado Carlos Reis, diretor do DPJA 3, Alicharles também é acusado do crime de tentativa de homicídio ocorrido contra um menor, durante o desfile do Bloco Tudo Azul, na cidade Murici, durante as festividades carnavalescas.

Ao ser autuado, ele alegou ter sido contratado para fazer a segurança do evento, e que disparou vários tiros contra o adolesceste, de 14 anos, após um tumulto. Em seguida, o menor atingido foi socorrido por policiais civis que se encontravam no local.

Logo após o crime e o socorro da vítima, a equipe do DPJA3 deu inicio as diligências para identificar e localizar o acusado dos disparos. Várias testemunhas foram ouvidas e o acusado foi localizado.

 “Alicharles já está indiciado por tentativa de homicídio, crime ocorrido durante o evento carnavalesco que ocorreu no último dia 17, em Murici”, disse o diretor do DPJA3.

Depois de ter sido preso, ele foi conduzido à sede da Delegacia Geral de Polícia Civil, onde está sendo autuado.

Após verificações no Sistema de Informações Policiais (Sispol), ficou constatado que o acusado responde também por lesão corporal, contra Juliana de Souza, delito cometido em março de 2013, durante um show em Jacarecica. Na ocasião, ele estava trabalhando também como segurança de um evento.

Fonte: Ascom PC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *