Unidade de Emergência do Agreste tem 95% das obras de triplicação concluídas

Texto de Davi Salsa

A Unidade de Emergência do Agreste, localizada em Arapiraca, terá sua capacidade de internação na área de Enfermaria triplicada nos próximos dias. Foram dez anos de espera, mas recuperação e ampliação do hospital está agora com 95% das obras finalizadas. Com isso, o hospital passará a contar com 120 leitos de Enfermaria, três vezes mais que os 40 existentes.

 

Os serviços incluem a ampliação da área de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), que passará dos sete leitos existentes para 21. As obras são executadas pelo Governo de Alagoas, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau).

 

A triplicação da unidade, que serve de regência para a atendimento de pacientes de 46 municípios do Agreste e também dos estados de Sergipe, Pernambuco e Bahia, vai possibilitar que mais pessoas sejam atendidas em um ambiente reestruturado, melhor adaptado e dotado de novas tecnologias na área médica e hospitalar.

 

A Unidade de Emergência do Agreste está sendo dotada de um Centro de Tratamento para Vítimas de Acidente Vascular Cerebral (AVC) e contará com profissionais especializados. O hospital ambém passará a contar com modernos equipamentos, como cardioversores, desfibriladores, monitores, ventiladores mecânicos, aparelhos de anestesia, endoscópio, bisturis elétricos, entre outros aparelhos de uso médico.

O assessor técnico da UE do Agreste, Paulo Roberto Pereira, destaca que a obra está em sua última etapa. O processo de licitação para compra de equipamentos e mobiliário, segundo o assessor, ocorre paralelamente às obras estruturais. Entre o material a ser adquirido estão balcões de mármore e itens de aço inox, que serão destinados para a área do serviço de nutrição e dietética.

 

“As obras estão modificando o perfil da Unidade de Emergência do Agreste, que passará a ser um hospital de grande porte para tratar os casos de traumas e doenças correlatas. Esse investimento representa o esforço do Governo do Estado para qualificar a assistência aos usuários do SUS [Sistema Único de Saúde] que residem no Agreste, Sertão e Baixo São Francisco”, destacou Paulo Roberto Pereira.

 

Como parte das ações para modernização da Unidade de Emergência do Agreste, o Governo do Estado já instalou um novo e moderno tomógrafo, com capacidade de realizar 50 exames por dia.

 

Paulo Roberto Pereira revela que a ampliação e modernização da Unidade de Emergência do Agreste é essencial para acompanhar o crescimento das demandas da população. “Acreditamos que as melhorias que o hospital está recebendo vão refletir diretamente na qualidade e agilidade no atendimento, para continuar salvando muitas vidas em nossa região”, salientou.

Por: Agência Alagoas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *