Estado vai convocar 150 professores da reserva técnica da educação

201606010952_18acd8cb44Fim de mais um capítulo da novela. Durante audiência realizada na manhã desta quarta-feira (1º), na sede do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL), a proposta feita pelo Governo de Alagoas para a nomeação de 150 professores aprovados no concurso da Educação, em 2013, foi aceita pela Defensoria Pública. As nomeações devem acontecer de imediato.

A proposta para convocação dos 150 profissionais da reserva técnica e a extinção do contrato temporário de 182 monitores da educação havia sido feita pelo Governo do Estado em uma primeira audiência, realizada no dia 19 de maio, no TJ/AL. Na ocasião, o defensor público Ricardo Melro, que é autor de um processo contra o estado no qual pede a convocação dos aprovados, ficou de repassar a proposta para a reserva técnica e uma nova reunião foi marcada para esta quarta-feira.

Agora, com a assinatura do acordo entre as partes, o processo movido contra o Governo de Alagoas será extinto. Os professores nomeados serão distribuídos entre as 13 Gerências Regionais de Educação (Geres).

O secretário de Estado da Educação, Luciano Barbosa, parabenizou o Tribunal de Justiça pela intervenção e mediação do conflito entre as partes. “Quero agradecer a intervenção dos senhor [desembargador Washington Luiz] nesse processo, que foi fundamental”, pontuou.

Por: Traipu Notícia com Gazetaweb

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *