Ministro se reuniu com diretora-geral da Unesco

20.03 juca unescoO ministro da Cultura, Juca Ferreira, encontrou-se, na tarde desta sexta-feira (20/3), com a diretora-geral da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), Irina Bokova, na sede da organização em Paris.
Na reunião, eles debateram tema da economia da cultura, a criação de uma cátedra de gestão cultural no Brasil, sob chancela da Unesco, e detalharam pontos em relação à comemoração dos 10 anos da Convenção sobre a Proteção e Promoção da Diversidade das Expressões Culturais.
“Somos um país diverso, temos que integrar ao conceito de democracia a noção que todos somos iguais com conceito de que todos têm direito a sua singularidade, portanto a democracia é igual em direitos civis e direitos em geral, mas a singularidade cultural deve ser incorporada como um contraponto”, disse Juca Ferreira, após o encontro.
Juca Ferreira sugeriu à diretora-geral que o Brasil participe da celebração dos 10 anos da Convenção sobre Proteção e Promoção da Diversidade  das Expressões Culturais. A sugestão de Bukova foi que o marco fosse celebrado junto ao aniversário de 70 anos da Unesco, completados neste ano.
Outro ponto abordado foi a construção de uma cátedra sobre gestão cultural no Brasil em parceria com as principais universidades do país e sob a chancela da Unesco. “O Brasil cresceu muito neste aspecto, mas precisa sistematizar. Quem está na operação da gestão não tem tempo nem condições de fazer trabalho de sistematização e isso é um patrimônio do Estado brasileiro na medida em que é uma dimensão incontornável do desenvolvimento brasileiro, na construção de políticas sociais, no fortalecimento da coesão, no combate à violência e na qualificação da educação”, justificou.
Bukowa solicitou mais ênfase na economia da cultura, que, segundo ela, precisa de “mais dados convincentes”. “Há um embotamento pelos setores mais tradicionais e ela propôs uma articulação e avaliou o Brasil como um case, achando que andou mais que outros países nessa dimensão”, concluiu.
O ministro da Cultura está em viagem oficial na França desde a última quinta-feira (19/3) para participar da 35ª edição do Salão do Livro de Paris, um dos maiores eventos da literatura. Com apoio do Ministério da Cultura e da Câmara Brasileira do Livro, o país, que o grande homenageado do Salão, levou comitiva de 43 autores que representam a diversidade da literatura brasileira.
Na quinta-feira, além de participar da abertura do evento, Juca Ferreira se reuniu com a ministra da Cultura e Comunicação da França, Fleur Pellerin. Na ocasião, assinaram um documento que visa aprofundar cooperação cultural entre os dois países.
Assessoria de Comunicação
Ministério da Cultura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *